9 dicas para garantir a Segurança em Andaimes – Tamborville

9 dicas para garantir a Segurança em Andaimes - Tamborville

Um dos pilares da economia brasileira é a Construção Civil, setor que gera cerca 2,5 milhões de empregos. Os trabalhadores do setor exercem diversas funções e algumas delas são perigosas. Milhares deles arriscam suas vidas nas alturas, construindo galpões, arranha-céus e outras obras onde os Andaimes são essenciais. Entretanto, é preciso tomar certas medidas para garantir a segurança dos trabalhadores. Confira os dados a seguir.

Acidentes na Construção Civil

Apesar de toda a legislação e o esforço dos órgãos responsáveis, ainda há uma certa negligência por parte das construtoras. No intuito de reduzir os custos das obras, elas acabam comprando materiais e equipamentos fora dos padrões exigidos. E pelo mesmo motivo, algumas vezes contratam profissionais não capacitados. Tudo isso pode resultar acidentes graves.

Veja os dados recolhidos pela Empresa Brasil de Comunicação referentes ao ano de 2017:

  • Das 349.579 comunicações de acidentes de trabalho (CATs) feitas pelas empresas ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), 37.057 se referiam a quedas.

  • Entre os acidentes fatais de trabalho daquele ano, as quedas representaram 14,49% do total. Das 1.111 mortes em ambiente de trabalho registradas no ano passado, 161 foram causadas por quedas.

  • 56 trabalhadores morreram após caírem de Andaimes e plataformas e 34 de veículos, como caçambas de caminhões.

  • Entre serventes de obras e pedreiros, trabalhadores da construção civil, foram 1.796 acidentes e 24 mortes em 2017.

Legislação sobre a utilização de Andaimes na Construção Civil

Boa parte dos números mostrados acima poderiam ser reduzidos se a legislação fosse cumprida. No caso dos Andaimes, as normas que os fazem referência são a ABNT 6494 e a NR 18.

Essa última define que, no dimensionamento de Andaimes, as estruturas de sustentação e fixação devem ser realizadas por profissionais legalmente habilitados. Elas devem ser projetadas e construídas de modo a suportar, com segurança, as cargas de trabalho a que estão sujeitas.

9 dicas para garantir a Segurança em Andaimes - Tamborville

A NR 18 também determina alguns critérios para os locais de instalação: solo antiderrapante, nivelado e com forração completa. Ela exige que os Andaimes possuam rodapé e sistema de guarda-corpo. As escadas de acesso também são importantes para que o trabalhador tenha mais segurança ao subir e descer do Andaime, sem precisar escalar sua própria estrutura.

Para os fabricantes, a norma determina que estes estejam devidamente inscritos no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) e que todas as peças sejam identificadas com a referência do tipo, o lote e o ano de fabricação.

A seguir, conheça os tipos de Andaimes mais usados:

Andaimes simplesmente apoiados

Este tipo de Andaime possui sua estrutura apoiada de forma simples e é utilizado mais comumente por pintores e carpinteiros em razão da altura de até 2 metros.

Andaimes móveis

São estruturas apoiadas sobre rodas, que devem ser instaladas em superfícies planas. São metálicos, de fácil montagem e mais comumente utilizados em trabalhos de acabamento.

Andaimes suspensos mecânicos

A sustentação deste tipo de Andaime é feita por meio de cabos de aço e guinchos. O estrado move-se verticalmente para realizar trabalhos como instalação de revestimentos, cerâmicas e emboços.

Andaimes em balanço

Este tipo de Andaime projeta-se para fora do edifício por meio de vigamentos ou estruturas em balanços. Podem ser deslocáveis ou fixos.

Andaimes fachadeiros

Muito utilizados em fachadas por permitirem melhor acesso dos trabalhadores. São constituídos por elemento vertical simples, elemento vertical com escada, diagonal X, barra de ligação, guarda-corpo e piso metálico.

Cadeira suspensa

É utilizada também em trabalhos de pintura e limpeza e, de acordo com a NR 18, pode ser usada somente quando não há possibilidade de instalar outros tipos. Trata-se de uma espécie de cadeira constituída por um assento de aço preso a cabos também de aço.

9 dicas para garantir a Segurança em Andaimes - Tamborville

Dicas para garantir a Segurança nos Andaimes

Uma das principais causas de acidentes com Andaimes é a instalação em áreas inadequadas, com superfícies irregulares ou que apresentem riscos para o acesso dos trabalhadores. Para resolver esse e outros problemas, separamos as seguintes dicas:

Utilize sempre uma área de montagem adequada

Para garantir a segurança, o solo precisa ser compacto, a fim de suportar o peso e não sofrer mudanças prejudiciais em dias chuvosos. A montagem também deve ser realizada em locais onde não há muito trânsito de pessoas que não tenham envolvimento com a obra.

Fique atento na utilização de Andaimes com rodinhas

Não instale um modelo com rodinhas que supere a altura de 6 metros. Não mova a estrutura com pessoas ou objetos sobre ela e, antes de subir no Andaime, certifique-se sempre de que os freios e calços estão corretos.

Faça checagens regulares durante a utilização

Ao longo da montagem e durante a utilização, realize checagens da estrutura, do alinhamento e de possíveis sinais que indiquem o uso excessivo ou a necessidade de substituição do material.

Preste atenção às diagonais internas

Só retire as diagonais internas após a realização dos serviços. Evite retirá-las em vãos simultâneos. Utilize sempre a escada adequada à estrutura para o acesso superior.

Confira os pranchões

Eles devem ser fixados de forma segura nos dois apoios. É necessário sempre o estado dos pranchões e substituir estas peças em caso de sinais de má conservação. Verifique também se os pranchões não se projetam mais de 15 cm além das barras transversais. Se eles forem muito largos, podem inclinar.

Nada de improvisos

Quando o Andaime precisar atingir níveis mais altos, novas montagens devem ser feitas até a altura necessária. Nunca tente aumentar seu tamanho de forma improvisada, colocando escadas comuns sobre as tábuas.

Não ultrapasse a altura máxima permitida

As normas técnicas determinam limitações em relação à altura dos Andaimes. A torre deve considerar a largura da base. Para bases de 1×1 m, as torres podem atingir no máximo 4 metros de altura. Com bases de 1,5×1 m, a altura máxima chega a 6 metros, e para bases de 2×1 m, a 8 metros.

Cuidado com o excesso de peso

Muitas vezes, o trabalhador acaba colocando mais material do que é recomendado para evitar muitas subidas e descidas no Andaime. Ganhar tempo dessa forma não vale a pena, pois o excesso de peso na estrutura pode causar sérios acidentes.

Utilize sempre os Equipamentos de Proteção Individual

Os EPIs são de uso obrigatório para que os operários se movimentem em segurança sobre o Andaime e protejam-se contra quedas e outros acidentes.

Essas foram nossas dicas para garantir a segurança nos Andaimes. Aqui você pôde ver que é preciso cuidar de cada detalhe da sua obra. Não devemos ser negligentes, pois isso pode custar a vida de outras pessoas.

Para dispor do que há de melhor no mercado de Andaimes e outros equipamentos para construção civil, conte com a Tamborville. Logo abaixo você encontra mais informações sobre essa experiente empresa catarinense.

Fonte:
Empresa Brasil de Comunicação

Sienge
Blog Equiloc

9 dicas para garantir a Segurança em Andaimes - Tamborville

A Tamborville é uma empresa de reconhecida experiência na locação, fabricação, manutenção e comercialização de equipamentos e produtos para construção civil. Eles também atendem aos fabricantes de equipamentos, fornecendo peças e soluções para projetos especiais.

Com mais de 15 anos de experiência, estão sempre atentos às exigências do mercado, investindo constantemente na inovação e na diversificação, a fim de oferecer os melhores e mais modernos produtos. Com um atendimento personalizado, focado nas necessidades de seus clientes, a Tamborville possui uma central de vendas localizada na cidade de Joinville(SC), que atende ao Brasil inteiro.

Todos os produtos comercializados são fabricados com materiais resistentes, de acordo com as normas técnicas do segmento (NR18, NR35 e ABNT), o que permite oferecer uma garantia de 1 a 2 anos, com certificação, rastreabilidade e laudo de qualidade nos aços fornecidos. Entre seus fornecedores, há nomes como: Marcegaglia do Brasil, Tupper/SA e Gerdau.

Ela oferece a manutenção e montagem de equipamentos, jateamento, pintura, corte, dobra, solda (MIG/MAG) e corte a laser. Seus equipamentos são de fácil utilização e instalação, evitando desta forma desperdícios de material e mão de obra na execução dos serviços.

Conheça neste link todas as informações de contato da Tamborville, empresa parceira do Catálogo Empresarial CREA-SC.

Matéria escrita por: Felipe Nascimento

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *